Untitled
esquerda


Leia a Última Edição!

II Série Volume 34 Número 9
Setembro 2021

E-ALERT:

menu esquerda
 
   
 
 
 
 


  1- Factores de recorrência das lesões intraepiteliais do colo do útero.

2- Duodenoscopia e colangiopancreatografia retrógrada endoscópica (cpre) no diagnóstico da patologia biliar e pancreática. Experiência dos primeiros 150 exames.

3- Mefedrona, a Nova Droga de Abuso: Farmacocinética, Farmacodinâmica e Implicações Clínicas e Forenses

4- História natural da dilatação pielocalicial pré-natal.

5- Drogas antidepressivas.

6- Erisipela.

7- Abordagem terapêutica das úlceras de pressão--intervenções baseadas na evidência.

8- Traumatismo Crânio-Encefálico: Abordagem Integrada

9- Ulceras genitais causadas por infecções sexualmente transmissíveis: actualização do diagnóstico e terapêuticas, e a sua importância na pandemia do VIH.

10- Abordagem actual da gota.

11- Vasculite livedóide.

12- Cisto de Tarlov: definição, etiopatogenia, propedêutica e linhas de tratamento.

13- Tratamento antibiótico da cistite não complicada em mulheres não grávidas até à menopausa.

14- Urolitíase e cólica renal. Perspectiva terapêutica em Urologia.

15- Inversão uterina.

16- Pancreatite aguda. Actualização e proposta de protocolo de abordagem.

17- Pancreatite aguda. Actualização e proposta de protocolo de abordagem.

18- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

19- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

20- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

 
   

A Importância dos Testes Epicutâneos na Dermatite Anogenital: Dez Anos de Experiência de um Centro de Referência Terciário no Norte de Portugal



Anogenital dermatitis is an underreported and underdiagnosed inflammatory skin disease that affects both women and men. Allergic contact dermatitis (ACD) affecting the anogenital area is more likely to be developed in skin that was previously injured or exposed to several allergens and irritants. We aimed to provide data from a Portuguese tertiary referral center regarding this overlooked condition that is associated with impaired quality of life.
A retrospective analysis was conducted among patients with anogenital dermatitis who underwent patch testing from January 2009 to December 2019. All patients were patch tested with the Portuguese Contact Dermatitis Research Group baseline series; cosmetics (n = 11); textile colors and finishing (n = 10); fragrances (n = 1); local anesthetics (n = 7); medicines (n = 5) (Chemotechnique Diagnostics, Vellinge, Sweden®); and personal products ‘as is’ (n = 24).

Leia aqui o texto completo (apenas em inglês).