Untitled
esquerda


Leia a Última Edição!

II Série Volume 34 Número 9
Setembro 2021

E-ALERT:

menu esquerda
 
   
 
 
 
 


  1- Factores de recorrência das lesões intraepiteliais do colo do útero.

2- Duodenoscopia e colangiopancreatografia retrógrada endoscópica (cpre) no diagnóstico da patologia biliar e pancreática. Experiência dos primeiros 150 exames.

3- Mefedrona, a Nova Droga de Abuso: Farmacocinética, Farmacodinâmica e Implicações Clínicas e Forenses

4- História natural da dilatação pielocalicial pré-natal.

5- Drogas antidepressivas.

6- Erisipela.

7- Abordagem terapêutica das úlceras de pressão--intervenções baseadas na evidência.

8- Traumatismo Crânio-Encefálico: Abordagem Integrada

9- Ulceras genitais causadas por infecções sexualmente transmissíveis: actualização do diagnóstico e terapêuticas, e a sua importância na pandemia do VIH.

10- Abordagem actual da gota.

11- Vasculite livedóide.

12- Cisto de Tarlov: definição, etiopatogenia, propedêutica e linhas de tratamento.

13- Tratamento antibiótico da cistite não complicada em mulheres não grávidas até à menopausa.

14- Urolitíase e cólica renal. Perspectiva terapêutica em Urologia.

15- Inversão uterina.

16- Pancreatite aguda. Actualização e proposta de protocolo de abordagem.

17- Pancreatite aguda. Actualização e proposta de protocolo de abordagem.

18- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

19- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

20- Neuroanatomia funcional. Anatomia das áreas activáveis nos usuais paradigmas em ressonância magnética funcional.

 
   

O Cartão de Cores das Fezes como Instrumento de Rastreio da Atrésia Biliar na Versão Digital do Boletim de Saúde Infantil e Juvenil Português



Biliary atresia (BA) is a rare entity (incidence in Europe of 1/18 000 live births) leading to great morbidity and mortality and represents the first indication for pediatric liver transplantation. The long-term prognosis depends on the timing of bile flow restoration (Kasai portoenterostomy). One of the major determining factors of prognosis and survival of the native liver is surgical intervention before 45 days of life. 
Taiwan has one of the highest incidence rates of BA in the world. Therefore, a universal screening program was started there in 2002, using a validated stool color card (SCC). Subsequently, in 2011, it was observed that the median age of patients undergoing Kasai portoenterostomy decreased substantially, thus improving prognosis. Meanwhile, other countries have demonstrated the cost-effectiveness of this tool, and some have already started using it as a teaching and surveillance tool, by enrolling parents and caregivers. In Portugal, and as far as we know, there have been no initiatives at the level of the central healthcare system on this matter.is surgical intervention before 45 days of life.

Clique aqui para aceder ao texto completo (apenas em inglês).